Milhares de mulheres marcham pela vida e contra a Reforma da Previdência em Porto Alegre


O ato final do 8 de Março em Porto Alegre foi marcado pela presença de milhares de mulheres unidas pelo fim da violência, contra a Reforma da Previdência, pela defesa dos direitos reprodutivos – com ênfase no aborto legal -, contra os retrocessos em curso no país e por justiça para Marielle.

Após um dia de intensa programação no Largo Glênio Peres, a Esquina Democrática recebeu um ato com a participação de dezenas de representações políticas e sindicais.

Mesmo sob forte chuva, a manifestação seguiu em marcha pelas ruas do centro, reunindo mais de uma centena de movimentos e milhares de mulheres de mãos dadas por mais direitos.

Pela manhã, o Coletivo de Gênero e Diversidade do CPERS discutiu a importância da unidade e da luta diante dos desafios impostos pelo cenário atual. Em todo o estado, educadoras uniram-se para celebrar e protestar nos diversos núcleos do Sindicato.

Notícias relacionadas