Segundo dia da Caravana do CPERS visita escolas de Gravataí


O ônibus da Caravana do CPERS partia cedinho na manhã desta quarta-feira (6) rumo a Gravataí para conversar com professores e funcionários de escola sobre a importância do voto nas eleições que se aproximam para que não se elejam aqueles que defendem o projeto de desmonte do Estado, promovido por Sartori e seus aliados.  As visitas às escolas também contemplaram os municípios de Cachoeirinha, Viamão e Alvorada que fazem parte do Núcleo de Gravataí.
Durante a conversa com os educadores, os integrantes da Caravana, composta por membros da Direção Central, da direção dos Núcleos do Sindicato e aposentados, também destacaram a resistência que o CPERS tem feito e continuará fazendo contra os ataques do governo Sartori, que já parcelou 31 vezes os salários dos servidores.
Para deixar a categoria esclarecida sobre as arbitrariedades do governo e sua base aliada e denunciar os deputados e deputadas que apoiam a política de sucateamento da educação pública, foram entregues materiais informativos e cartazes com os nomes e as fotos dos parlamentares.
A coordenadora do Departamento de Funcionários do CPERS, Sônia Solange Viana, enfatizou o momento de empobrecimento que vive a categoria nesses quase quatro anos de governo Sartori e destacou a importância da Caravana. “Nossa caravana vem informar o que a mídia não mostra. Todos os ataques de Sartori e seus aliados a nós educadores e ao serviço público. Não suportamos mais esse governo e vamos fazer de tudo para que Sartori, sua base aliada e os candidatos com o mesmo projeto deles não se reelejam”, afirmou.
A coordenadora do Departamento Administrativo do Sindicato, Sandra Terezinha Régio destacou a importância do papel da entidade nas lutas contra o desgoverno de Sartori. “Precisamos de todos na luta, participando de todas mobilizações e atos. Somente unidos podemos barrar as tentativas de retirada dos nossos direitos”, frisou.
Por volta das 17h os educadores realizaram ato em frente à E.E.E.M Morada do Vale I denunciando o descaso de Sartori com a educação pública gaúcha para pais, estudantes e a comunidade escolar. Nesta quinta-feira (5), a Caravana estará no 20° Núcleo- Canoas.

 

Notícias relacionadas