Saiba como votaram os deputados no Fundeb


Depois da aprovação, todo mundo se diz a favor da educação. Mas não se deixe enganar.

Tome nota dos deputados, políticos e partidos que tentaram inviabilizar ou sabotar o novo Fundeb!

E não se esqueça, a mobilização não pode parar até a aprovação no Senado.

Confira:

Apenas SETE deputados votaram contra a PEC nos dois turnos: todos do campo Bolsonarista e seis do PSL, partido que o presidente usou para se eleger

Apenas SETE governadores não assinaram a carta dos estados em defesa do texto da relatora Profª. Dorinha (DEM). Eduardo Leite (PSDB) é um deles.

Apenas UM deputado gaúcho tentou, junto com seus colegas do partido “NOVO”, retirar da PEC a garantia de, no mínimo, 70% dos recursos do Fundeb para pagar o salário de professores(as) e funcionários(as) da educação: Marcel Van Hattem

DEZ deputados gaúchos tentaram, no apagar das luzes, SABOTAR o Fundeb apoiando o destaque do Novo que retiraria da PEC um dos seus maiores avanços, o mecanismo do Custo Aluno Qualidade. O CAQ assegura o valor a ser investido por aluno para alcançar níveis mínimos de qualidade no ensino-aprendizagem.

Considerando a bancada de todos os estados, 83 deputado(as) tentaram retirar o CAQ da PEC e 19 atacaram o piso de 70% para a remuneração dos educadores. Confira os nomes e partidos abaixo:

VOTARAM CONTRA O CAQ:

Greyce Elias (AVANTE-MG)
Paula Belmonte (CIDADANIA-DF)
Efraim Filho (DEM-PB)
Geninho Zuliani (DEM-SP)
Jose Mario Schrein (DEM-GO)
Kim Kataguiri (DEM-SP)
Luis Miranda (DEM-DF)
Pedro Lupion (DEM-PR)
Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ)
Alceu Moreira (MDB-RS)
Baleia Rossi (MDB-SP)
Carlos Chiodini (MDB-SC)
Giovani Feltes (MDB-RS)
Isnaldo Bulhões Jr (MDB-AL)
João Marcelo S. (MDB-MA)
Márcio Biolchi (MDB-RS)
Newton Cardoso Jr (MDB-MG)
Osmar Terra (MDB-RS)
Raul Henry (MDB-PE)
Rogério Peninha (MDB-SC)
Adriana Ventura (NOVO-SP)
Alexis Fonteyne (NOVO-SP)
Gilson Marques (NOVO-SC)
Lucas Gonzalez (NOVO-MG)
Marcel van Hattem (NOVO-RS)
Paulo Ganime (NOVO-RJ)
Tiago Mitraud (NOVO-MG)
Vinicius Poit (NOVO-SP)
Capitão Augusto (PL-SP)
Dr. Jaziel (PL-CE)
Vicentinho Júnior (PL-TO)
Diego Garcia (PODE-PR)
José Medeiros (PODE-MT)
Roberto de Lucena (PODE-SP)
Claudio Cajado (PP-BA)
Evair de Melo (PP-ES)
Guilherme Derrite (PP-SP)
Eros Biondini (PROS-MG)
Gastão Vieira (PROS-MA)
Felipe Rigoni (PSB-ES)
Rodrigo Coelho (PSB-SC)
Aluisio Mendes (PSC-MA)
Paulo Martins (PSC-PR)
Deleg. Éder Mauro (PSD-PA)
Joaquim Passarinho (PSD-PA)
Sargento Fahur (PSD-PR)
Beto Pereira (PSDB-MS)
Carlos Sampaio (PSDB-SP)
Domingos Sávio (PSDB-MG)
Eduardo Cury (PSDB-SP)
Lucas Redecker (PSDB-RS)
Pedro Cunha Lima (PSDB-PB)
Samuel Moreira (PSDB-SP)
Vitor Lippi (PSDB-SP)
Alê Silva (PSL-MG)
Aline Sleutjes (PSL-PR)
Bia Kicis (PSL-DF)
Bibo Nunes (PSL-RS)
Carla Zambelli (PSL-SP)
Carlos Jordy (PSL-RJ)
Caroline de Toni (PSL-SC)
Chris Tonietto (PSL-RJ)
Coronel Armando (PSL-SC)
Coronel Chrisóstom (PSL-RO)
Daniel Freitas (PSL-SC)
Daniel Silveira (PSL-RJ)
Dr. Luiz Ovando (PSL-MS)
EduardoBolsonaro (PSL-SP)
Filipe Barros (PSL-PR)
General Girão (PSL-RN) –
Guiga Peixoto (PSL-SP)
Helio Lopes (PSL-RJ)
Junio Amaral (PSL-MG)
Luiz Lima (PSL-RJ)
Luiz P. O.Bragança (PSL-SP)
Major Fabiana (PSL-RJ)
Marcelo Brum (PSL-RS)
Sanderson (PSL-RS)
Vitor Hugo (PSL-GO)
Maurício Dziedrick (PTB-RS)
Enrico Misasi (PV-SP)
Cap. Alberto Neto (REPUBLICANOS-AM)
Pr Marco Feliciano (REPUBLICANOS-SP)

VOTARAM CONTRA OS 70% PARA O SALÁRIO:

Alex Manente (CIDADANIA-SP)
Bia Kicis (PSL-DF)
Junio Amaral (PSL-MG)
Luiz P. O.Bragança (PSL-SP)
Eduardo Cury (PSDB-SP)
Fábio Ramalho (MDB-MG)
Mauro Lopes (MDB-MG)
Gastão Vieira (PROS-MA)
Kim Kataguiri (DEM-SP)
Paulo Martins (PSC-PR)
Rodrigo Coelho (PSB-SC)
Adriana Ventura (NOVO-SP)
Alexis Fonteyne (NOVO-SP)
Gilson Marques (NOVO-SC)
Lucas Gonzalez (NOVO-MG)
Marcel van Hattem (NOVO-RS)
Paulo Ganime (NOVO-RJ)
Tiago Mitraud (NOVO-MG)
Vinicius Poit (NOVO-SP)

Notícias relacionadas