23, 24 e 25 DE SETEMBRO


Na manhã desta segunda-feira (25), o Comando de Greve Estadual reuniu-se na sede do Sindicato para avaliar e deliberar sobre as ações de mobilização da Greve dos educadores, que completa 20 dias hoje.
O Comando de Greve avaliou, através dos relatos dos Núcleos,  que a Greve continua forte, recebendo o apoio da população, pais, estudantes e a comunidade escolar.
Na sexta-feira (29) é muito importante a participação de todos e todas na Assembleia Geral de Mobilização, às 8h30 no Gigantinho. Logo após o encerramento, ocorrerá o Ato Unificado dos Servidores no Largo Glênio Peres, a partir das 12h. http://bit.ly/convoca-dia29

Nota: O QUE SARTORI NÃO DISSE

A força da GREVE dos educadores gaúchos obrigou o governo a se pronunciar. Sartori fez uma declaração em que afirmou que os menores salários dos servidores serão os primeiros a serem pagos. Logo após, o secretário da Fazenda, Giovani Feltes, disse que os salários mais baixos serão os primeiros a serem integralizados. Integralizar não é pagar em dia. Ou seja, O GOVERNO NÃO GARANTIU O FIM DO PARCELAMENTO DOS SALÁRIOS!
O que Sartori quer, na verdade, é dividir a categoria e enfraquecer a GREVE que não para de crescer em todo o Rio Grande do Sul.
Nossa miséria salarial, mostra a necessidade da reposição da inflação, pois já somos submetidos a uma defasagem salarial que chega a 82,42%. Não vamos admitir que os parcelamentos continuem!
O mínimo que este governo deve fazer é cumprir com o que prevê a Constituição e PAGAR EM DIA E DE FORMA INTEGRAL o salário e o 13º de todos os servidores públicos.
Sartori quer impedir a unidade dos servidores, pois sabe que nesta sexta-feira, dia 29, o CPERS realiza uma grande Assembleia de Mobilização no Gigantinho e, logo após, haverá o encontro de milhares de servidores, através do Movimento Unificado – MUS, no Largo Glênio Peres.
Nossa força tem impedido o governo de aprovar seu pacote de maldades. Continuaremos a pressionar os deputados para que os reprovem.
O CPERS convoca a todos os educadores e educadoras a manterem-se firmes na GREVE. Este é o momento de nos fortalecermos ainda mais!

DIA 29, TODOS E TODAS NA ASSEMBLEIA DO CPERS, ÀS 8H30!
NÃO RECUAREMOS ATÉ A GARANTIA DO FIM DO PARCELAMENTO DOS SALÁRIOS!
A GREVE CONTINUA!

Comando de Greve Estadual CPERS/SINDICATO

 Agenda de Atos na semana:

Ato Público Estadual da Greve nesta terça-feira, dia 26

O Comando de Greve do CPERS convoca todos professores (as) e funcionários (as) de escola para o Ato Público Estadual da Greve, nesta terça-feira (26). A concentração será às 8h em frente à sede do Tribunal de Justiça (Av. Borges de Medeiros, 1565, Praia de Belas), em Porto Alegre.
O ato tem o objetivo de cobrar o cumprimento da liminar pelo não parcelamento dos salários e pelo pagamento do Piso Salarial Nacional.
Logo após, haverá caminhada até a Praça da Matriz para o Ato em frente ao Palácio do Piratini, com o objetivo de pressionar os deputados a votarem contra o PL 148, que acaba com a cedência para os sindicatos, e as PECs que atacam os direitos dos servidores públicos.

Mobilizações pelo Estado:
Núcleo 6º – Neste sábado (23) os professores e funcionários de Rio Grande realizaram Ato no desfile escolar. Os educadores fizeram panfleteação e denunciaram o governo Sartori.  E no domingo (24) foi dia de panfletagem em Santa Vitória.

 

Núcleo 26º – Recentemente, os educadores do Núcleo de Frederico Westphalen, onde a greve segue forte, com 90% das escolas paralisadas, realizaram Ato Público no município de Planalto e uma mateada no município de  Rodeio Bonito. Os dois atos contaram com a participação de estudantes, pais, comunidade e meios de comunicação. Nesta segunda-feira (25), o núcleo também realizou ato no município de Erval Seco.

Núcleo 39º – Neste sábado (23), educadores do Núcleo 39º – Porto Alegre realizaram Encontro de Escolas da Zona Sul. Durante o trancaço no trânsito, na Av. Cavalhada, a população foi alertada através dos panfletos que denunciam o descaso de Sartori com educação gaúcha e os educadores. A iniciativa foi da Escola Pedro Sirangelo. Durante a mobilização, a população mostrou apoio e solidariedade à Greve dos educadores.

Atenção Núcleos: Solicitamos que enviem suas programações e atividades diárias da greve (informações, fotos, e vídeos) para o e-mail [email protected], para divulgarmos em nosso Boletim de Greve.

Notícias relacionadas