#ReposiçãoJá: 13º salário em dia é um direito dos trabalhadores


O governador Eduardo Leite (PSDB) anunciou na última sexta-feira (1º) em coletiva de imprensa o pagamento do 13º salário dos servidores estaduais.

Leite anunciou como se fosse um grande feito, sendo que receber o 13º em dia é o direito de todos os servidores estaduais, conforme Art. 35, parágrafo único da Constituição Estadual.

Mas o que o governador parece não querer mudar é a realidade dos trabalhadores em educação do Rio Grande do Sul, que estão há SETE ANOS sem reajuste salarial.

Professores(as) e funcionários(as) de escola acumulam 47,82% de perdas inflacionárias, endividados sem dinheiro para honrar as necessidades básicas como aluguel, água, luz, alimentação e remédios.

E dinheiro tem, basta priorizar o que importa! Além do superávit histórico de R$ 2,8 bilhões, com pagamento do décimo em dia, o Governo do Estado economizará R$ 140 milhões em juros do Banrisul. Mais uma fonte de recursos para garantir a reposição.

Mas a educação pública no RS segue sendo desprezada por Leite. Escolas sucateadas e sendo fechadas, educadores(as) com sobrecarga de trabalho e cada vez mais com seus direitos atacados tanto no âmbito federal e estadual.

Segundo dados do DIEESE, desde 2015 o Rio Grande do Sul teve um encolhimento de mais de 30% do seu quadro de servidores do setor. Culpa do descaso e da desvalorização da nossa categoria.

Se a educação fica para trás, o Rio Grande do Sul não vai para frente! Até quando, governador Eduardo Leite?

A educação não pode mais esperar! #ReposiçãoJÁ

Notícias relacionadas