Frente dos Servidores Públicos traça estratégias de luta por valorização salarial


Nesta sexta-feira (23), pela manhã, ocorreu mais um encontro da Frente dos Servidores Públicos (FSP) para definir os próximos passos da luta em defesa dos trabalhadores(as) gaúchos, na sede do CPERS.

O objetivo principal foi fortalecer a unidade em defesa da Revisão Geral dos Salários para todos os servidores(as). Os representantes de aproximadamente 15 entidades também reforçaram a resistência contra os ataques de Eduardo Leite (PSDB) e sua base aliada ao funcionalismo público.

“Em meio aos desafios que enfrentamos, nos encontramos unidos e firmemente mobilizados como uma Frente coesa e determinada. É através dessa união que buscamos a melhor estratégia para alcançar o nosso maior objetivo: a luta por valorização salarial e forte resistência aos ataques do governo”, frisou a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer.

Durante o encontro, também foi realizado um balanço sobre o ato do dia 20, data em que o projeto nefasto de reforma do IPE Saúde (PLC 259) foi aprovado pelos deputados(as) da base de Eduardo Leite (PSDB). A mobilização reuniu cerca de 10 mil trabalhadores(as) em ato histórico de resistência, ganhando visibilidade dentro e fora do Rio Grande do Sul.

Entre os encaminhamentos estão mobilizar a base pela Revisão Geral dos salários, denunciar os partidos políticos que votam contra os servidores(as) e repercutir aqueles que estão do lado dos trabalhadores(as), além de engajar as mídias para expor a política cruel do atual governo contra o povo gaúcho.

 

Notícias relacionadas