Não permitiremos que o governo mexa no Plano de Carreira do Magistério


Atenção educadores! O governo Sartori (PMDB) está tentando mexer em nosso Plano de Carreira. Conforme publicado no Diário Oficial do Rio Grande do Sul, nesta terça-feira, dia 05, o secretário da Fazenda, Giovani Feltes, “contratou uma consultoria para estudo de alternativas financeiras e jurídicas para a implementação de Piso remuneratório para o Magistério do Estado”. Já passamos por isso nos governos Yeda e Britto, o que nos leva a crer que, na verdade, o que o governo do Estado pretende é alterar o Plano de Carreira do Magistério, atingindo novamente os direitos de todos os educadores gaúchos.
“O nosso Plano de Carreira foi conquistado em 1974, após anos de muita luta. Não permitiremos que os nossos direitos sejam atacados. Este governo está, cada vez mais, nos impulsionando para uma grande greve. Se tentar mexer em nosso Plano conhecerá a força dos educadores deste Estado”, afirma a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer.

Notícias relacionadas