Conselho Geral do CPERS delibera sobre as próximas mobilizações da categoria


Os conselheiros do CPERS estiveram reunidos na tarde desta sexta-feira (13) para deliberar sobre as próximas mobilizações da categoria.
Na ocasião, a Direção Central do CPERS entregou a chave de 11 veículos novos para os Núcleos do Sindicato. “Este ano temos diversos desafios e precisamos estar cada vez mais presentes nas escolas. Esta é uma ajuda para melhorar as condições para o desenvolvimento do nosso trabalho. Queremos facilitar a vida dos nossos dirigentes”, observou Helenir.
As propostas aprovadas pelos conselheiros visam fortalecer ainda mais a luta dos educadores e educadoras pela garantia dos seus direitos, pelo respeito à categoria e pela defesa intransigente da educação pública de qualidade e da democracia.

Propostas de mobilização aprovadas:
1. Potencializar a Caravana do CPERS/Sindicato “Em Defesa da Escola Pública – Contra o Desmonte do Estado”, contemplando mais amplamente as visitas, o debate nas escolas e a representação dos Núcleos nos roteiros de cada semana;
2. Realizar Paralisação e Ato Estadual, em Porto Alegre, no dia 31/07/2018 (3ª feria), como Dia de Denúncia contra Sartori pela Miséria que a categoria se encontra decorrente da política de arrocho e atraso salarial;
3. Participar do Dia Nacional de Luta, em 10 de agosto de 2018(6ª feira), chamado pelas Centrais Sindicais;
4. Denúncia “Jornadas Brasileiras de Relações do Trabalho (de 19/06 a 28/09)” que patrocinam a defesa da Antireforma Trabalhista, por institutos e organizações ligadas ao capital, representada no RS pelo Ex-Ministro do Trabalho, atual deputado Federal Ronaldo Nogueira(PTB), fazendo atos de escracho nos locais por onde passar;
5. Cada Núcleo deve encaminhar para a Secretaria Geral, um relatório das dificuldades encontradas em relação ao IPE Saúde, para que a Direção Central paute numa agenda, com a maior brevidade, com a Presidência do IPE Saúde;
6. Reunião com direção de escolas, ao final da Caravana em cada núcleo, para tratar do tema do cartão coorporativo do CPM para recursos PDDE, alteração de estatuto e prestação de contas.

 

Notícias relacionadas