Salário em pauta: CPERS e Casa Civil do governo têm audiência marcada para a próxima quarta-feira (21)


A Secretaria-Geral do CPERS recebeu, nesta quinta-feira (15), comunicado do Gabinete da Casa Civil para reunião na próxima quarta (21), com a presença do secretário-chefe Artur Lemos e do líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Frederico Antunes (PP).

A agenda foi marcada após pedido do Sindicato ao deputado Gabriel Souza (MDB), presidente do Legislativo, com vistas a discutir a necessidade urgente de reposição salarial para a categoria.

O CPERS trabalha para constituir uma mesa de negociação com o governo Eduardo Leite (PSDB).

>> Receba notícias do CPERS por whatsapp

Quase sete anos de congelamento salarial, metade do poder de compra perdido para a inflação, direitos retirados, vantagens eliminadas, adicionais reduzidos e gastos extras durante o trabalho remoto levaram professores(as) e funcionários(as) de escola a níveis escandalosos de penúria.

O último reajuste ocorreu em novembro de 2014, ainda no governo Tarso (PT). De lá para cá, a inflação acumulada chega a 45% e o custo da cesta básica na capital registrou um aumento de mais de 80%.

Além das mais de 150 moções de apoio aprovadas em Câmaras Municipais e da pressão no Piratini e na Assembleia, o Sindicato prepara mobilizações presenciais na capital e no interior. No próximo domingo, inicia-se uma campanha publicitária por #ReposiçãoJÁ.

Notícias relacionadas