Por questão de segurança, alojamento do CPERS em Porto Alegre poderá ser fechado nas próximas horas


Devido à intensidade das chuvas e a cheia do Guaíba, informamos que o alojamento da sede do CPERS, em Porto Alegre, poderá ser fechado nas próximas horas. Autoridades locais alertam para a situação no centro da capital, que já enfrenta alagamento em diversas ruas e o possível desligamento da energia na região. 

Informamos que estamos acompanhando com atenção os desdobramentos da situação e, caso o fechamento seja realmente necessário, comunicaremos em todas as nossas redes as orientações para os que se encontram hospedados ou para os que chegarão nos próximos dias. 

Ressaltamos que, por questão de segurança, as demais atividades da sede do Sindicato, como o Serviço de Atendimento aos Sócios (SAS), já estão suspensas nesta sexta-feira (3). 

O CPERS reforça a sua solidariedade a todas e todos os afetados por essa tragédia histórica e destacamos que, assim que possível, retornaremos os serviços em sua normalidade para atender nossas(os) sócias(os). 

Os próximos dias serão cruciais e neste momento nossa união e solidariedade serão fundamentais. Seguiremos pressionando o governo do Estado para o atendimento e atenção às escolas da rede e para a garantia da segurança dos que sofrem com as enchentes. 

A Defesa Civil orienta que as pessoas não saiam de casa, portanto, se possível, ajude quem precisa através de depósito bancário ou PIX para a campanha da CUT-RS e seus sindicatos filiados, entre eles o CPERS. Qualquer valor é bem-vindo! 

>> Dados bancários da CUT-RS para doações:

Banco: Cresol (133)
Agência: 5607
Conta corrente: 18.735-6
CNPJ: 60.563.731/0014-91

>> Você também pode doar através do PIX da CUT-RS: 51996410961

E reforçamos, se você mora ou está em alguma área de risco, próximo a rios ou encostas, deixe o local imediatamente e busque as autoridades locais para receber orientações e encaminhamento a abrigos. Se estiver em risco, ligue para 190 (Brigada Militar), 193 (Corpo de Bombeiros) ou 199 (Defesa Civil RS). 

Notícias relacionadas