CPERS pleiteia reajuste para funcionários(as) de escola no mesmo índice do Piso do Magistério


O CPERS protocolou, nesta quinta-feira (14), ofício direcionado ao secretário da educação Faisal Karam pleiteando reajuste para funcionários(as) de escola.

O documento solicita reposição no índice de 12,84%, mesmo percentual de ajuste do Piso Nacional do Magistério neste ano.

A proposição foi remetida a pedido do próprio secretário, que em reunião no dia 12 se mostrou receptivo à reivindicação.

“Somos a base da piramide salarial do Estado. Precisamos de uma atenção especial para não continuarmos nessa situação de absoluta miséria. Estamos falando de botar comida na mesa de muitas famílias”, afirmou na oportunidade a diretora do departamento de funcionários(as) do CPERS, Sônia Solange Viana.

O secretário solicitou, então, uma proposta em ofício. A partir do pedido, será realizado um estudo de impacto

Desde a greve da educação, o CPERS tem buscado construir alternativas para assegurar a recomposição salarial do segmento. Outra frente de trabalho ocorre junto aos deputados.

O segmento está entre os mais mal pagos do Estado e amarga quase seis anos de salários congelados e 53 meses de atrasos e parcelamentos, acumulando perdas inflacionárias superiores a 30% do poder de compra.

▶ Saiba como receber notícias do CPERS por whatsapp

Notícias relacionadas