Caravana do CPERS mobiliza educadores e alunos em Canoas


26/08/2015  CANOAS/ RS /BRASIL Caravana Estadual na Luta Pela Educação Pública      Foto: Caco Argemi/CPERS
Foto: Caco Argemi/CPERS

A Caravana do CPERS – na luta pela Educação Pública chegou nesta quarta-feira, dia 26 de agosto, ao 20º Núcleo – Canoas. Com objetivo de dialogar, ouvir, informar e mobilizar a categoria a Caravana segue na estrada desde 09 de junho. Durante a manhã a direção do CPERS e os professores e funcionários de escola presentes na caravana visitaram as escolas da região, abrangendo os municípios de Canoas, Sapucaia do Sul, Triunfo e Esteio.
Pela tarde os educadores reuniram-se em frente a 27º Coordenadoria Regional de Educação, para manifestar seu descontentamento com o governo Sartori e com as pressões que estão sofrendo da 27º CRE. Os estudantes da Escola Estadual de Ensino Médio Nova Sociedade, de Nova Santa Rita, também participaram da mobilização com cartazes e faixas na mão, denunciando o descaso do governo com os professores e a Educação Pública.
“Os professores são tudo para nós, sem eles não há educação, não somos nada. Sempre participo das manifestações dos professores, também lutamos por uma educação pública melhor”, afirmou a estudante da Escola Nova Sociedade, Camila Balbinot.
A coordenadora do 27º CRE, Stela Steyer, recebeu os educadores e os alunos na frente da coordenadoria para ouvir as reinvindicações da categoria.
Na ocasião a vice-presidente do CPERS, Solange Carvalho, parabenizou a presença dos educadores e dos alunos presentes. “É muito bom ver os alunos aqui presentes, pois a nossa luta também é pelo serviço público, uma educação de qualidade. Espero também que não haja pressão dos diretores de escolas e nem das coordenadorias de educação, pedindo o corte do ponto ou lista dos educadores que fizeram os 3 dias de greve. A nossa greve ainda não acabou. Temos que aguardar a finalização da greve e a nossa vitória, para assim acertamos o calendário escolar, para recuperar os dias parados”, concluiu.
O vice-diretor da Escola Nova Sociedade, Cicero Marcolan, destacou o momento pelo qual passa a categoria e que a luta está apenas começando. “Estamos vivendo um momento muito difícil na educação, cada cidadão tem que optar em estar do lado dos educadores e da educação ou do lado de um governo que não investe no serviço público e no Rio Grande do Sul. Este  é  um momento  em que  os de cima  já  não  mandam  mais . E os debaixo  também  já  não  obedecem. Lutamos não somente por salários, mas por uma educação melhor. Ninguém pode ser obrigado a trabalhar de graça. A nossa luta continua, ela está apenas começando”, afirmou.
A caravana do Cpers, chega amanhã, dia 27 de agosto no 32º Núcleo- Taquara, estão programadas visitas e plenárias em escolas da cidade e dos municípios que integram o Núcleo: São Francisco de Paula, Igrejinha, Parobé, Nova Hartz e Gramado.

Notícias relacionadas