Moção de Apoio ao Sindicato dos Municipários de Porto Alegre – SIMPA/RS


O CPERS/Sindicato manifesta total solidariedade e apoio aos colegas servidores municipários de Porto Alegre, que lutam bravamente em defesa dos seus direitos.
Na quarta-feira (05), os servidores foram retirados das galerias da Câmara de Vereadores de forma truculenta e violenta pela Brigada Militar, quando estava em votação o projeto que eleva de 11% para 14% a contribuição previdenciária dos servidores ativos e inativos.
O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, juntamente com seus aliados ameaçam constantemente os servidores com a retirada de direitos. O prefeito tem a mesma política do governador José Ivo Sartori, a de penalizar os servidores e os serviços públicos.
O Sindicato repudia veemente a forma violenta e truculenta que os servidores foram tratados pelo Batalhão de Operações Especiais (BOE), com o consentimento do prefeito Marchezan. O BOE utilizou gás de pimenta e violência para conter os trabalhadores que queriam acessar as galerias vazias da Câmara.
O CPERS manifesta total apoio à luta do Sindicato dos Municipários de Porto Alegre (Simpa), que luta pela valorização dos seus trabalhadores em defesa dos direitos adquiridos.

Notícias relacionadas