CPERS inicia a formação de sua primeira turma de formadores


formação 1

Com o objetivo de transmitir os conhecimentos e a segurança necessária para que a categoria possa enfrentar os ataques do governo e defender as conquistas históricas dos educadores, o CPERS iniciou nesta sexta-feira, dia 19, a formação de sua primeira turma de formadores. No 9º andar da sede do CPERS, quase cem profissionais, entre professores e funcionários de escola, compartilharam experiências e conhecimentos e pensaram, juntos, nos próximos rumos que o Sindicato irá trilhar em defesa dos educadores e da qualidade da educação pública gaúcha.
Esta primeira etapa da formação é conduzida pelas professoras: Isabela Camini, Doutora em Educação pela UFRGS, Eliane de Moura Martins, Mestre e doutoranda em Sociologia pela UFRGS e pelas professoras Heloiza Helena Silva e Senira Beledeli.
“Essa formação servirá para nos preparar, com qualidade e clareza, para combater as sucessivas ameaças do governo. Para isso, é fundamental investirmos em aperfeiçoamento das nossas novas e antigas lideranças. Aproveitem esse momento, pois vocês serão multiplicadores do conhecimento compartilhado aqui”, destacou a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer, na abertura do encontro.
No início da formação, Cássio Ricardo Ritter, diretor do Departamento de Formação do Sindicato, exibiu aos participantes uma árvore. Aos poucos, eles foram acrescentando aos galhos palavras como solidariedade, força, coletivo, reconhecimento, alegria, organização, união, parceria, valorização e conhecimento. “A árvore representa o sindicato e vocês são as raízes. Nesse nosso primeiro encontro o objetivo é criarmos a e fortalecermos a identidade do grupo”, explicou Senira.
Os educadores analisaram questões importantes sobre quais os papeis que desempenham, pessoal e profissionalmente. “Qual o papel do sindicato na vida profissional e pessoal de cada um? O que cada um de nós, como cidadão e como educador, pode fazer para mudar a realidade? Através desses questionamentos, conseguiremos fazer com que a nossa base entenda qual o importante papel social que ela desempenha”, ressaltou a diretora do Departamento de Funcionários de Escola e apoiadora do Departamento de Formação, Sônia Solange Viana.
Foram realizadas dinâmicas de grupo nas quais os educadores avaliaram o caminho já percorrido, as lutas enfrentadas, as conquistas e os desafios. Logo após, em grupos menores, os participantes debateram quais as necessidades, as vivencias e os desafios enfrentados no dia a dia. Ao final das discussões, as análises foram apresentadas em plenária.
“Nós teremos mais quatro encontros de formação com essa turma, que irá multiplicar o conhecimento obtido. A ideia é a de cada um sinta-se imbuído de conhecimento para ser um multiplicador em nossa base”, observou o diretor do Departamento de Formação, Antônio João Ferreira de Lima.

FORMAÇÃO 2

Notícias relacionadas