• Home  /
  • destaque   /
  • Marcha histórica de servidores faz governo adiar votação da LDO

Marcha histórica de servidores faz governo adiar votação da LDO

MARCHA SEGURANÇA 5

Em apoio aos servidores da segurança pública do Estado, o CPERS somou-se hoje a Marcha Segurança para Todos, que reuniu mais de 20 mil representantes da Brigada Militar, Susepe, Polícia Civil e Instituto Geral de Perícias – IGP, e demais representantes do funcionalismo público. Devido à força do movimento, o governo recuou na votação da Lei de Diretrizes e Bases Orçamentárias – LDO que ocorreria hoje, na Assembleia Legislativa.
A manifestação histórica lotou a praça da Matriz, em frente ao Palácio Piratini, e marcou a união do funcionalismo público do Estado contra os ataques do governo Sartori, que tenta, incessantemente, retirar direitos dos trabalhadores. As principais reivindicações dos servidores da segurança são as nomeações dos profissionais aprovados nos últimos concursos e a contrariedade ao projeto de lei complementar 206/15, enviado pelo governo à Assembleia Legislativa no começo do mês passado e que congela os reajustes previstos aos servidores estaduais a partir deste ano até 2018.

MARCHA SEGURANÇA 4

Respeito aos direitos conquistados e condições dignas de trabalho


Ao meio-dia, professores e funcionários de escolas de todo o Estado, reuniram-se em frente à sede do CPERS. Após a concentração, o grupo seguiu em caminhada pelas ruas do Centro até o Palácio Piratini, onde ocorreu a união de outras representações de servidores a manifestação.
“Nós estamos atentos as injustiças que o governo está praticando contra todos os servidores. A nossa unidade defende todo o trabalhador que tiver seus direitos atacados. Aqueles que atacam nossos direitos não tiveram coragem de colocar a LDO em votação hoje. Mas, não tem problema. Semana que vem estaremos todos aqui novamente”, declarou a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer.
Em Assembleia Geral do CPERS, realizada no dia 26 de junho, a categoria decidiu pelo Estado de Greve. Para ouvir e mobilizar sua base, o Sindicato vem realizando, desde o dia 09 de junho, a Caravana em defesa da Educação Pública.

MARCHA SEGURANÇA 1

 

 

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.