Rio Grande recebe a etapa regional da 5ª Mostra Pedagógica do CPERS


Nesta quarta-feira (27), educadores(as), alunos(as) e a comunidade escolar das regiões que abrangem o núcleo de Rio Grande (6°) apresentaram projetos e atividades que promovem o desenvolvimento intelectual e criativo dos estudantes na etapa regional da 5ª Mostra Pedagógica do CPERS. 

O Sindicato tem percorrido seus 42 núcleos para desenvolver a troca de experiências entre os participantes, bem como evidenciar o compromisso da entidade em valorizar o trabalho de qualidade desenvolvido nas escolas públicas, resistindo aos ataques e o descaso do governo Eduardo Leite (PSDB) com o ensino gaúcho.

Os trabalhos selecionados participarão da etapa estadual, que ocorre em dezembro, em Porto Alegre.

A tesoureira do CPERS, Rosane Zan, explicou que a Mostra nasceu da percepção de que as escolas públicas, muitas vezes, são vistas apenas à luz dos problemas estruturais que enfrentam. Mas, o sistema de ensino é muito mais do que isso. Através dos projetos inspiradores, a atividade visa mostrar a riqueza do ambiente educacional e o impacto positivo que os educadores(as) têm na vida dos estudantes.

“Estamos revelando o que há de belo e significativo no chão da escola. Queremos mostrar que as escolas públicas são lugares onde o conhecimento é construído, onde sonhos são cultivados e onde o futuro é moldado. E isso só é possível graças ao trabalho incansável dos professores e funcionários da educação”, destacou.

Além de mostrar o lado positivo das escolas públicas, a Mostra também busca chamar a atenção para a importância de valorizar os professores(as) e funcionários(as) de escola, da ativa e aposentados(as). Rosane enfatizou que, para que o sistema de ensino funcione de maneira eficaz, é crucial investir não apenas em infraestrutura, mas também nos profissionais que moldam o futuro das gerações.

“Quando falamos de educação, não podemos focar apenas nas estruturas físicas. Os educadores desempenham um papel fundamental na formação das nossas crianças e jovens. Merecemos o nosso reconhecimento”.

Para a diretora do CPERS, Carla Cassais, é incumbência do Sindicato assumir a linha de frente dessa batalha.

“Em um compromisso com a causa da educação pública, o Sindicato se posiciona como o porta-voz incansável que lidera a luta em defesa da educação e dos educadores. A cada lugar que visitamos, descobrimos a riqueza de talentos e realizações que florescem em nossas instituições de ensino. Ao fazer isso, estamos trabalhando arduamente para garantir um futuro de qualidade para todos nós e para as gerações vindouras”, explanou.

Para a diretora do Sindicato, Vera Lessês, este compromisso é contínuo. Ela destacou que o CPERS permanece firme em sua missão de garantir que a qualidade da educação seja uma realidade acessível a todos(as), moldando assim um amanhã mais promissor para a sociedade como um todo. Mostramos o que a escola pública sabe fazer de melhor. Ficamos muito emocionados com a qualidade do que os educadores e alunos apresentam”.

“Nosso compromisso com a escola pública é inabalável. Reconhecemos que nossos estudantes são os protagonistas do presente e do futuro. É por eles e por todos nós que trabalhamos incansavelmente para garantir uma educação de qualidade”, afirmou a vice-diretora do 6° Núcleo, Andréa Nunes da Rosa, na abertura do evento.

Qualidade da escola pública é evidenciada em Rio Grande

A comunidade escolar da EEEF Barão de Cerro Largo apresentou o projeto “Ecobringrs” para alertar sobre a importância da luta em defesa do meio ambiente.

“O nosso projeto visa não apenas ajudar o meio ambiente na escola, mas também queremos que ele alcance um público mais amplo, para que as pessoas possam entender como podem contribuir para a preservação ambiental”, explicou a aluna, Amanda Valadão.

Para a professora Fátima Pereira, é de suma importância valorizar e destacar que os educadores(as) fazem o possível e o impossível em defesa da educação.

“Isso representa uma resistência fundamental para construir um mundo melhor. O novo projeto de escola em turno integral tem um significado profundo para essas famílias”, ressaltou.

O projeto “Gibiblioteca: Quadrinhos, Fanzines e Manifestos”, da EEEB Manoel Vicente do Amaral, foi apresentado pela aluna Maria Vitória Rodriguez, que destacou a experiência em apresentar este trabalho na Mostra.

“Foi incrível para mim, pois era algo totalmente novo. Eu nunca tinha tido a chance de conhecer a cidade de Rio Grande, e esta oportunidade não apenas me permitiu explorá-la, mas também aprender coisas novas”, frisou.

“Este projeto promove o incentivo à leitura por meio de histórias em quadrinhos, e este ano, também incluímos fanzines. É incrível ter a oportunidade de sair da escola, levar os alunos para mostrarem seus trabalhos e trocar experiências. A valorização que o Sindicato nos proporciona é fundamental para demonstrar nosso trabalho e compartilhar um pouco do que fazemos”, explicou o professor Cássio Rodrigues.

A mesa de juradas, que selecionaram os projetos que serão apresentados na etapa estadual da Mostra, foi composta pelas educadoras Dóris Regina da Costa Nogueira, Daiane Ferreira Ferreira e Paula Regina Costa Ribeiro.

> Confira os projetos selecionados para a etapa estadual:

Séries Iniciais – Ensino Fundamental

1° lugar:
Projeto: Ecobringrs
EEEF Barão de Cerro Largo
Categoria: Séries Iniciais – Ensino Fundamental

2° lugar
Projeto: Gotas do futuro
EEEF Barão de Cerro Largo
Categoria: Séries Iniciais – Ensino Fundamental

Séries Finais – Ensino Fundamental

1° lugar
Projeto: Gibiblioteca: Quadrinhos, Fanzines e Manifestos
EEEB Manoel Vicente do Amaral
Categoria: Séries Finais Ensino Fundamental

2° lugar
Projeto: História da Arte e Vivências para a formação integral do aluno
EEEF Saldanha da Gama
Categoria: Séries Finais Ensino Fundamental

Ensino Médio

1° lugar
Projeto: Gerador de Energia Hidroelétrica
EEEM Bibiano de Almeida
Categoria: Ensino Médio

2° lugar
Projeto: O fantástico universo de Fanfic
EEEM Dr. Augusto Duprat
Categoria: Ensino Médio

Etapas Regional e Estadual

Os 42 núcleos do CPERS realizarão mostras regionais até novembro e os educadores(as) devem se inscrever com até cinco dias de antecedência ao evento na sua região. Os projetos e trabalhos mais significativos terão lugar na etapa estadual da Mostra. As experiências selecionadas também serão compiladas em uma publicação especial.

️ INFORMAÇÕES IMPORTANTES:

1) Somente sócios(as) do CPERS terão suas inscrições validadas para a Mostra Pedagógica;
2) Os anexos (como documentos, trabalhos por escrito ou em PowerPoint, fotos e vídeos) devem ser enviados para o e-mail [email protected];
3) As inscrições podem ser realizadas com até 5 (CINCO) dias de antecedência à Mostra Regional do seu núcleo. Clique aqui para conferir o cronograma das etapas regionais da Mostra;
4) Clique aqui para acessar o regulamento completo da Mostra Pedagógica;
5) Se tiver dificuldades no preenchimento do formulário ou outras dúvidas, entre em contato pelo e-mail [email protected] ou pelo fone (51) 3254.6000.

x    

Notícias relacionadas