Frente dos Servidores Públicos intensifica a luta contra o inimigo nº 1 do funcionalismo, o governador Eduardo Leite


Na manhã desta terça-feira (18), representantes de entidades que compõem a Frente dos Servidores Públicos (FSP) do Rio Grande do Sul, entre estas o CPERS, reuniram-se para traçar estratégias e cerrar fileiras contra os desmandos do governo Eduardo Leite (PSDB), inimigo número um do funcionalismo estadual.

No centro da discussão, a campanha de mídia unificada que tem como objetivo expor para a sociedade a crueldade da atual gestão, que despreza aposentados(as) e escolheu os serviços públicos estaduais como seus principais alvos.

Comerciais na TV e spots de rádio nas principais emissoras do estado e ações coordenadas, estadual e nacionalmente, nas redes vão expor as principais maldades de Leite para todos e todas.

Além da campanha de mídia, as entidades também realizarão um seminário, em agosto, com transmissão online, para debater as consequências do congelamento salarial e a precarização do trabalho dos servidores(as) públicos estaduais.

O encontro tem o intuito de fornecer subsídios teóricos para o enfrentamento do discurso, imposto pelo grande capital e a grande mídia, sobre o mito da necessidade de uma agenda de austeridade fiscal que, na prática, tem condenado o povo brasileiro e gaúcho a serviços essenciais cada vez mais precários e desidratados.

Não podemos permitir que a agenda neoliberal acabe com os serviços públicos, instrumentos fundamentais para o bem-estar de toda sociedade, sobretudo os mais vulnerabilizados.

No segundo semestre também serão desenvolvidas ações voltadas para a luta pelo reajuste salarial, a implantação de uma data-base e a revogação do desconto previdenciário.

Representando o CPERS, participaram da reunião a presidente do Sindicato, Helenir Aguiar Schürer, a secretária-geral, Suzana Lauermann, os diretores Juçara Borges e Cássio Ritter, e o advogado Rodrigo Sebben, da assessoria jurídica da entidade. 

>> Entidades presentes no encontro:

AFOCEFE
APROJUS
ASPGE
CPERS
SIMPE
SINDICAIXA
SINDJUS
SINDTCE-RS
SINTERGS

Notícias relacionadas