03 DE OUTUBRO


Em Assembleia Popular comunidade escolar reforça apoio à Greve dos educadores
Às portas do Piratini, centenas de estudantes, pais, mães e demais representantes da comunidade escolar reafirmam seu apoio à Greve dos educadores, durante a Assembleia Popular realizada pelo CPERS, nesta terça-feira (03), na Praça da Matriz, em Porto Alegre. Veja a matéria completa.

Governo vira as costas para educadores, estudantes e pais
Durante a Assembleia Popular realizada nesta terça-feira (03), o Comando de Greve do CPERS buscou uma audiência com o governo para que os estudantes e pais presentes na Praça da Matriz também pudessem ser ouvidos. Após um longo tempo de espera sob o sol forte, os educadores trancaram a rua Duque de Caxias para pressionar a audiência. Mesmo assim, o governo sequer deu uma resposta à categoria.
A presidente do CPERS destacou que o governador Sartori tenta enganar a população gaúcha ao mentir que a maioria dos professores e funcionários de escola receberam seus salários em dia neste mês. “Isso não é verdade! A grande maioria da categoria ainda não recebeu um real até agora. Sartori faz isso para tentar enfraquecer a nossa greve e o apoio que estamos recebendo da comunidade. Mas só conseguiu fazer com que a nossa Greve aumentasse. E a solidariedade dos nossos estudantes e seus pais está demonstrada aqui nesta Praça, hoje”, afirmou.
Helenir também falou sobre as ameaças que o governo tem feito aos educadores em greve como o corte do ponto e a demissão dos professores e funcionários de escola contratados. Sobre o corte, lembrou que o CPERS conquistou liminar proibindo esta ação do governo. Quanto a demissão dos contratados ressaltou que o CPERS não irá permitir nenhuma punição aos educadores. “Quero dizer aos nossos colegas que não se intimidem com estas ameaças, pois nós não vamos permitir nenhum tipo de punição. A nossa união é a nossa força. Este governo não vai nos derrotar”, afirmou.
A partir desta quarta-feira (04), até sexta-feira (06), o CPERS estará com a Caravana em Defesa da Educação visitando escolas para reforçar ainda mais a Greve da categoria.

Caravana de Mobilização da Greve começa nesta quarta-feira, dia 04
Nesta quarta-feira (04), o CPERS começará com as Caravanas de Mobilização da Greve pelo Estado. O objetivo das Caravanas é de mobilizar os professores e funcionários de escola, que ainda não aderiram à greve.
O Comando de Greve Estadual juntamente com os representantes dos Núcleos, visitará às escolas que não estão em greve, com o objetivo de fortalecer o movimento da Greve. Durante às visitas será destacado aos educadores e educadoras que todas as ameaças do governo Sartori (PMDB) à categoria, merecem como resposta a união e mobilização cada vez mais forte da categoria.
As caravanas serão divididas em três roteiros e acontecerão entre os dias 04 a 06 de outubro.
Educador procure seu Núcleo e saiba como participar!

Roteiro 1:
Santana do Livramento – 04/10
Alegrete – 05/10
Uruguaiana – 06/10

Roteiro 2:
Soledade – 04/10
Carazinho – 05/10
Ijuí – 06/10

Roteiro 3:
Santa Rosa – 04/10
Três de Maio – 05/10
Santo Ângelo -06/10

Atenção Núcleos: Solicitamos que enviem suas programações e atividades diárias da greve (informações, fotos, e vídeos) para o e-mail [email protected], para divulgarmos em nosso Boletim de Greve.

Notícias relacionadas