• Home  /
  • destaque   /
  • Conselho Geral define nova composição do Comando de Greve

Conselho Geral define nova composição do Comando de Greve

No final da tarde desta terça-feira (28), o Conselho Geral do CPERS reuniu-se na sede do Sindicato para definir a nova formação do Comando de Greve conforme aprovado na última Assembleia Geral da entidade.
Respeitando o espírito da abertura do Comando para a base da categoria, na ocasião, ficou definido que além daqueles que já compõem o atual Comando, passam a integrar o grupo um representante da direção de cada um dos 42 Núcleos do Sindicato.
Ao dar início ao Conselho, a presidente do CPERS, Helenir Aguiar Schürer, destacou que o governo Sartori já anunciou o fechamento de 2 mil turmas no próximo ano. “O Estado emprestará por dois anos os seus professores e funcionários de escola. A partir do 3º ano, o município deverá arcar com todas as despesas. Ou seja, é a municipalização que já enfrentamos em 1998. O governo quer ficar responsável apenas pelo Ensino Médio. Estes são os reflexos da proposta aprovada pelo senador Lasier Martins, que visa à demissão dos servidores efetivos, tanto estadual quanto federal”, frisou.
Outro ponto destacado por Helenir foi a proposta de reestruturação do IPE, enviada pelo governo à Assembleia Legislativa. O Sindicato produziu uma cartilha com as informações mais significativas para alertar a categoria quanto ao golpe que o governo quer aplicar principalmente no IPE Saúde. “Estaremos em Caravana a partir desta quarta-feira. Nossa categoria precisa se apropriar sobre o que está sendo proposto para fazerem o enfrentamento”, destacou.
Também foi deliberada a nota de repúdio contra o vereador de Veranópolis, Leocride Bataglion (PMDB), que sistematicamente ataca o CPERS.

Deixe seu comentário