• Home  /
  • destaque   /
  • Caravana visita 43 escolas de Frederico Westphalen e região

Caravana visita 43 escolas de Frederico Westphalen e região

Veja a galeria de fotos do dia:
26º Núcleo Caravana CPERS – 10/09/18 – Frederico Westphalen

Com mais de 13 mil quilômetros percorridos desde julho, a Caravana em Defesa da Escola Pública retornou à estrada com fôlego nesta segunda-feira (10). Ao longo do dia, os integrantes dialogaram com centenas de professores(as) e funcionários(as) em 43 escolas de 15 cidades da região do 26º Núcleo do CPERS.

Esta é a 9ª semana da jornada de aproximação com a base e escuta no chão da escola, que busca discutir os rumos da educação pública e os ataques à categoria, além de provocar reflexões sobre a importância do voto consciente e bem informado. Trata-se de identificar os projetos em disputa no período eleitoral e compreender o significado da continuidade das políticas de desmonte, representadas pela ideologia do Estado mínimo.

“Neste momento todos vão dizer que defendem a educação e pedir o voto de vocês”, alerta Solange Carvalho, 1ª vice-presidente do CPERS. “Precisamos nos informar sobre como se posicionaram os deputados e senadores gaúchos em matérias que prejudicaram os educadores e os trabalhadores”.

Os(as) educadores(as) recebem materiais informativos que permitem comparar a atuação de parlamentares em relação a projetos como a Reforma Trabalhista no país e o desmonte do serviço público no estado. O CPERS também lançou um site para facilitar a consulta sobre como votaram as bancadas gaúchas, junto à campanha Vote em Defesa da Escola Pública.

O debate nas escolas também aborda temas nacionais, como a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a Reforma do Ensino Médio. O CPERS entende que as reformas em andamento têm o objetivo de abrir caminho para a privatização da rede pública e a formação de mão de obra barata, fechando a porta das universidades para os estudantes e levando à demissão em massa de educadores(as).

Para Jucemar da Costa, diretor geral do Núcleo de Cachoeira do Sul, é necessário ampliar o debate para além do quadro funcional das escolas. “Conversem com seus filhos, com seus alunos e com os pais dos estudantes. É o futuro dos nossos jovens e da educação pública, gratuita e de qualidade que está em jogo”, pondera.

Já a diretora geral do Núcleo de Frederico Westphalen avalia que a Caravana oportuniza a valorização dos laços entre a base e a direção sindical, reiterando o compromisso com a defesa dos direitos da categoria. “Trabalhamos para contemplar o maior número possível de escolas da região. É um momento importante de escuta e diálogo, quando a categoria mais precisa de orientações”, explica.

A Caravana em Defesa da Escola Pública segue na estrada até o início de outubro. Nesta semana, o roteiro inclui Três Passos (terça-feira), Palmeira das Missões (quarta), Carazinho (quinta) e Três de Maio (sexta). Confira o itinerário completo.



Deixe seu comentário