• Home  /
  • destaque   /
  • Caravana percorre 48 escolas em Erechim e região

Caravana percorre 48 escolas em Erechim e região

A segunda semana da Caravana em Defesa da Escola Pública foi encerrada com um dia cheio em Erechim e região. Ao todo, 48 escolas – duas a mais do que o planejado – em 23 cidades do 15º Núcleo foram visitadas por dirigentes estaduais e regionais nesta quinta-feira (12).
Apesar do frio de 0ºC, a comitiva iniciou cedo o roteiro pelos municípios, dividindo-se em doze equipes a partir das 7h da manhã. A aproximação com a base dá continuidade à iniciativa de levar o debate sobre o desmonte do Estado e os projetos políticos em disputa para a categoria e a comunidade escolar. “Essa luta não é só do professor e do funcionário”, explica Helenir Aguiar Schürer, presidente do CPERS. “É preciso envolver pais e alunos, pois não podemos carregar sozinhos o peso do debate sobre a educação pública de qualidade.”, continua.

Como no ato do dia anterior, em Passo Fundo, a atividade de encerramento contou com a presença de estudantes em apoio ao Sindicato. Aos 16 anos, a estudante Nicoli Gabrieli, do CE Haidée Tedesco Reali, enxerga na valorização da carreira um motor de transformação do país. “Eu acredito que a base da sociedade é a educação. Se funciona bem, melhora a segurança e a saúde, melhora todo o resto”, afirma Nicoli, que pretende formar-se professora após o Ensino Médio. Sobre o desrespeito do Estado com a categoria, a estudante também é enfática: “é preocupante. Se não tiver investimento em educação pública vamos ser cada vez mais explorados pelo governo e manipulados pela mídia”.
Para a diretora geral do 15º Núcleo, Marisa Inês Betiato, a Caravana é uma oportunidade única para fazer chegar à base a discussão sobre o futuro da categoria e da educação pública, às vésperas do período eleitoral. “Não adianta não reeleger o atual governo e votar em outro candidato que representa o mesmo projeto de Estado Mínimo”, disse a professores pela manhã. “Queremos um Estado indutor de políticas sociais, preocupado em dar condições para realizarmos nosso trabalho com qualidade e segurança”, concluiu.

Além das visitações e do ato no final da tarde, a sede do 15º Núcleo foi palco de um Encontro dos(as) Aposentados(as), reunindo trabalhadores(as) da educação que ajudaram a construir a história regional e estadual do CPERS Sindicato.

A Caravana será retomada a partir do dia 31 de julho, após o recesso escolar, em Três de Maio.

CONFIRA AQUI O CALENDÁRIO DA CARAVANA EM DEFESA DA ESCOLA PÚBLICA. 

 

 

Deixe seu comentário