• Home  /
  • destaque   /
  • Ato show “Porto Alegre por Diretas Já” amplia luta contra reformas de Temer no próximo domingo

Ato show “Porto Alegre por Diretas Já” amplia luta contra reformas de Temer no próximo domingo

A luta contra as reformas da previdência e trabalhista do governo ilegítimo de Michel Temer (PMDB) e pela democracia está sendo espraiada no Rio Grande do Sul. No próximo domingo (11) acontece o ato show “Porto Alegre por Diretas Já”, a partir das 11h, no Parque da Redenção. Dezenas de artistas gaúchos confirmaram presenças, como Bagre e Ernesto Fagundes, Hique Gomez, Antônio Villeroy, Negras em Canto, Nani Medeiros e Raul Elwanger, entre outros.
A exemplo dos atos que aconteceram no Rio de Janeiro, no dia 28 de maio, e em São Paulo no último domingo (3), o evento na capital gaúcha reunirá artistas que defendem as eleições diretas como saída para a crise brasileira.
“Estamos ampliando cada vez mais o movimento de resistência e luta contra os golpistas. Para barrar as reformas da Previdência e trabalhista, a solução é Fora Temer e diretas já”, afirma o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo. “Chamamos as federações e os sindicatos de trabalhadores a participarem deste grande ato cultural, que servirá também para esquentar a mobilização para a greve geral de 30 de junho que vai parar novamente o Brasil”, destaca.
O ato show é iniciativa de artistas gaúchos, que integram o coletivo Cultura pela Democracia, e conta com o apoio da CUT-RS, das frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, de movimentos sociais e partidos de esquerda, dentre outras entidades.

Confira os artistas confirmados

Antônio Villeroy
Bebeto Alves
BFN – Banca Forte da Norte
Catarina Domenici e Leonardo Winter
Conjunto Bluegrass Porto-alegrense
Delicatessen
Duca Leindecker
Duda Calvin
Bagre e Ernesto Fagundes
Edu Nascimento
Hique Gomez
Israel Oliveira
Luciano Leães
Orquestra de Brinquedos (Yanto Laitano)
Paulinho Cardoso
Pedro Dom
Raul Elwanger
Richard Serraria
Rodrigo Nassif
Solon Fishbone
Thiago Ramil
Turucutá
Zamba Bem

Fonte: CUT-RS

Deixe seu comentário

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.